.

CRB sofre 3 a 2 da Portuguesa Santista e se despede da Copinha com uma rodada de antecedência
07/01/2022 18:50 em Esporte

O CRB entrou em campo na tarde desta sexta-feira (7) pela 2ª rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior, contra a Portuguesa Santista. Desesperado, após a derrota na estreia, o Galo de Aspirantes deu adeus ao campeonato, depois de sofrer nova derrota, agora por 3 a 2. Enquanto Ezequiel fez dois para o CRB, Vinícius, Guilherme e José marcaram para os paulistas. O duelo aconteceu no Estádio Rodolfo Crespi, em São Paulo.Com o resultado, o Regatas ficou na lanterna do Grupo 31 da Copinha, ainda zerado, sem chances de classificação. Isso porque Portuguesa e Juventus já têm quatro pontos. Já a Briosa saltou para a liderança do grupo, criteriosamente empatada com a Juventus. No outro jogo da rodada, os donos da casa venceram o Canaã, por 3 a 1.

Na última rodada, os paulistas buscam a vaga e os alagoanos apenas cumprirão tabela. As duas partidas finais do Grupo 31 acontecem segunda (10), ambas no Rodolfo Crespi. Às 13h a Portuguesa Santista encara o Canaã, em confronto direto, enquanto às 15h15 o Regatas enfrenta a Juventus de Mooca para seu adeus oficial.

Resumão

Sabendo da responsabilidade de pontuar, o Galo não foi tímido contra o time paulista. A insistência rendeu uma penalidade máxima, aos 38 do primeiro tempo. Ezequiel cobrou no ângulo e abriu o placar. Apesar do bom resultado, o segundo tempo começou mal para os alagoanos. Após linda jogada do lado direito, Vinícius Oliveira recebeu livre na grande área, bateu de primeira e empatou, aos seis minutos.O que era ruim, ficou ainda pior, aos 15 minutos. Após linda cobrança de escanteio do lado esquerdo, Guilherme Selles cabeceou bem e virou o embate. Perdendo, o Galo não teve muito o que fazer, a não ser ir para cima. A medida não resolveu, já que José Jefferson, aos 18 minutos, marcou um golaço, driblando a defesa regatiana.Sem reação, o CRB pouco assustou, após tomar o terceiro gol, tirando boas chegadas pelo lado direito. Inclusive, chegou a levar sustos, quase tomando o quarto. Aos 45, em nova penalidade, Ezequiel marcou mais um, porém, insuficiente para a deixar o time regatiano sonhando. Final: 3 a 2 para a Portuguesa Santista.

COMENTÁRIOS