uni

Espelhando temporada passada, CRB decide a vida na pré-Copa do Nordeste em casa
14/05/2019 10:14 em Esporte

Assim como na temporada passada, quando teve que passar pela fase anterior a de grupos da Copa do Nordeste, o CRB se encontra na mesma situação em 2019. Para poder participar do Nordestão 2020, o Galo vai precisar despachar a Juazeirense-BA, no Estádio Rei Pelé, às 20h, nesta terça-feira (14). A SITE transmite a partida decisiva em Tempo Real. 

No jogo de ida, em Juazeiro, na Bahia, na última terça-feira (7), alagoanos e baianos ficaram no 0x0, ou seja, quem vencer fica com a vaga, mas se houver qualquer empate no tempo regulamentar, a decisão será nos pênaltis. 

 

O torcedor regatiano lembra do purgatório que foi conseguir carimbar vaga no Regional. Na oportunidade, o Campinense foi o time que rendeu problemas iniciais para o Galo. No primeiro jogo, no Estádio Amigão, em Campina Grande-PB, o CRB saiu perdedor pelo placar mínimo. No entanto, uma semana depois, conseguiu vencer por 3x1 e ficar com a vaga.

 

Ano passado, na partida de volta da Pré-Copa do Nordeste 2019, o CRB bateu o Campinense-PB por 3x1, no Estádio Rei Pelé

FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

Este ano, a dificuldade parece ser a mesma para o clube alvirrubro. Apesar de não ter perdido para a Juazeirense, a situação da temporada vigente acaba se espelhando a campanha anterior, não somente no Nordestão. Em 2018, perdeu o título estadual para o CSA e também disputava a Série B simultaneamente à fase inicial da Copa. No nacional não vinha bem, perdendo as três partidas iniciais, a exemplo do que aconteceu em 2019, nas duas primeiras rodadas.

 

Em contrapartida, a reviravolta sobre o Campinense marcou também a volta por cima do Galo naquele início de Brasileirão. Além de vencer o time paraibano, emplacou duas vitórias consecutivas na Segundona. Onda positiva que parece ter retornado pouco antes do esperado com a vitória sobre o Brasil de Pelotas, por 2x0, no Rio Grande do Sul, no sábado (11).

 

O CRB chega embalado após conseguir a primeira vitória no Brasileiro Série B, contra o Brasil de Pelotas, por 2x0

FOTO: FLÁVIO NEVES

Para o jogo decisivo em questão, o técnico Marcelo Chamusca deverá repetir a formação que conseguiu a primeira vitória regatiana na Série B. No gol, Edson Mardden continua absoluto. Na defesa, Guilherme Mattis e Ewerton Páscoa parecem ter se encaixado de maneira que não sejam substituídos. Na lateral direita, Daniel Borges deverá ser mantido, bem como Igor na esquerda. À frente da zaga, Lucas e Ferrugem. No bloco de combate, sendo formado por Felipe Ferreira, William Barbio, Willie e Victor Rangel. 

 

BAIANOS EMBALADOS

A partida contra o CRB marcou também a mudança de ares da Juazeirense. O Cancão, que vinha de um empate na Série D do Brasileiro, conseguiu agarrar a sua primeira vitória na competição, 3x0 sobre o Itabaiaba-BA, e agora figura na liderança do Grupo A9.

 

A Juazeirense também chega para o confronto com a autoestima elevada após vencer a primeira no Brasileiro Série D

FOTO: CARLOS HUMBERTO/ AGÊNCIA CH

Deste modo, não é surpresa que o técnico Carlos Rabello vai mandar em campo a equipe que venceu no último sábado, com Gleibson; Ewerton, Emílio, Emerson e Cesinha; Waguinho, William Kaefer, Iran e Clebson; Nino Guerreiro e Toni Galego.

 

ARBITRAGEM

 

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) sorteou um árbitro pernambucano para a partida. Trata-se de Tiago Nascimento dos Santos, auxiliado por Francisco Chaves Bezerra Junior e Bruno Cesar Chaves Vieira. Todos do quadro da CBF. O quarto árbitro será o alagoano Rafael Carlos Salgueiro Lima. 

 

 

FONTE.GAZETAWEB

COMENTÁRIOS