uni

Mardden preza por segurança na volta das atividades e avalia treinos virtuais
19/06/2020 17:27 em ALAGOAS

Assim como o restante da comunidade esportiva de Alagoas, o CRB aguarda pela novas medidas estabelecidas pelo Governo do Estado para tentar o retorno aos treinamentos presenciais no Centro de Treinamentos Ninho do Galo. Enquanto isso não acontece, o Galo dá andamento aos testes do novo coronavírus em todo o elenco, funcionários e comissão técnica. 

Goleiro do Regatas, Edson Mardden ressaltou a importância dos testes antes da volta ao campo. "É importante que o grupo volte em total segurança. Os clubes que estão retornando, fizeram todos os testes antes da volta. Isso foi importante para dar segurança a todos os envolvidos no dia a dia do clube. O CRB está seguindo essas orientações e dando todo o suporte ao elenco, comissão técnica e funcionários. Isso é muito bom para todos", disse o arqueiro.

 

De acordo com a testagem realizada pelo clube na última segunda-feira (15), sete jogadores e um funcionário testaram positivo para a Covid-19. 

Com a ausência dos treinos presenciais justamente pela pandemia da Covid-19, o clube alvirrubro teve que se reinventar e utilizou a tecnologia para realizar os treinamentos. Mardden também avaliou a nova ferramenta. 

"Vejo como positiva a fase em que fizemos os treinos virtuais. Tivemos um suporte muito grande da comissão técnica e evoluímos. Essa orientação dos preparadores físicos e a organização que eles tiveram neste período foi muito bom para todos". 

 

O arqueiro do Regatas disse ainda que a vontade do plantel é que as competições iniciadas no primeiro semestre sejam finalizadas mesmo neste inicio de segundo semestre. "A primeira etapa é o retorno aos treinos. Os jogos ainda não temos previsão, mas nossa ideia é encerrar a Copa do Nordeste e o Alagoano. Queremos jogar e disputar o título das duas competições. Ainda teremos a Copa do Brasil e o início da Série B, que deve ser em agosto. Temos que nos preparar", finalizou Mardden.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

fonte.gazetaweb

COMENTÁRIOS