.

O que passou na minha cabeça foi buscar uma classificação”, revela Allan Aal sobre noite mágica do CRB
10/06/2021 12:38 em Esporte

A noite dessa quarta (9) para sempre estará na memória dos torcedores do CRB. A vitória contra o Palmeiras garantiu o time nas oitavas de final da Copa do Brasil pela primeira vez na história da competição. Muitos não imaginavam que eliminar o atual campeão da Copa do Brasil e da Libertadores fosse possível, mas o treinador Allan Aal revelou que a classificação sempre foi possível em sua estratégia.

“O que passou na minha cabeça foi, desde o começo do jogo, com inteligência, buscar uma classificação. A gente sabia que seria muito difícil fazer os dois gols durante o tempo normal. Mesmo assim, tivemos algumas possibilidades. No momento que a gente teve essa dificuldade de sair de trás, de transição, não abrimos mão de jogar. Não foi uma estratégia de fazer um gol, mas foi saber jogar o jogo. Soubemos controlar bem as situações. Feliz pela entrega dos jogadores, pela organização e postura que tivemos”, revelou Allan.

 

Após a vitória contra o Cruzeiro, no último domingo (6), Allan comentou que queria o time do Galo com a cara do torcedor. Após a classificação na Copa do Brasil, o treinador voltou a afirmar que o torcedor do CRB se vê representado com a luta e entrega de seus jogadores.

“Principalmente em termos de atitude, de entrega, de luta, nós temos que ter a cara do nosso torcedor. Temos que fazer com que o torcedor tenha orgulho de ver a gente se entregando dentro de campo. Obviamente que, na questão técnica, na questão tática, nós começamos a dar umas pinceladas dentro daquilo que a gente acha de ideia de jogo, sabendo se adaptar ao adversário, tendo algumas variações que foram fundamentais hoje e a gente utilizando o elenco todo. Esse equilíbrio a gente vai procurar ter até o final, mas o mais importante é o torcedor olhar para a gente e se sentir representado, e hoje ele se sentiu representado”, comemorou.

Destaque da noite, o goleiro Diogo Silva foi motivo de destaque na entrevista coletiva de Allan Aal. O treinador revelou que Diogo trabalhou cobranças de pênaltis durante a semana e que se colocou à disposição para ser um dos cobradores da equipe.

“O Diogo é um jogador que vem trabalhando sempre, cobra no dia a dia. Nada a gente faz por acaso ou sonha em fazer, a gente procura trabalhar. Ele é um jogador que bate muito bem na bola, tem uma personalidade muito forte, que é fundamental em uma cobrança de pênalti. A gente já tinha conversado e, obviamente, você escolher um jogador vai muito da disponibilidade dele. Todos aqueles que se propuseram de fazer a cobrança, nos treinamentos durante a semana, foi feito e concluído com êxito”, completou.

 

Diogo Silva salvou o Galo no tempo regulamentar e garantiu a classificação nos pênaltis - Foto: Alex Silva/Estadão

Agora, o CRB volta suas atenções para a Série B novamente. No próximo sábado (12), a equipe recebe o Confiança no Rei Pelé, às 16h30. O Regatas quer uma vitória para entrar no G-4 da competição. Atualmente, é o 6º colocado, com quatro pontos.

COMENTÁRIOS